quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

O Còdigo Da Vinci!



Olá Amigos do Blog! 
Obviamente vocês já devem ter lido esse livro: O Código da Vinci, da autoria de Draw Brown. 
O livro contém uma trama policial plausível e alguns fatos históricos que realmente aconteçeram. Outros só passam de invencionices do autor.
È realmente engraçado que neste livro ele tenha a coragem de querer destruir a fé de milhares de cristãos achando que a Igreja escondeu os evangelhos Apócrifos. Os evangelhos não foram escondidos é tanto que se forem em uma livraria católica eles estão a venda. A Igreja nunca teve medo da verdade que ela sempre pregou.
O livro é baseado principalmente no Evangelho de Maria Madalena que conta que Jesus casou-se e ainda teve filhos com ela, e ainda falo mais: A geração de Jesus permaneçe viva até hoje. Viram só as calúnias!
Temos que levar esse filme e muitos outros sempre com a interpretação a margem da Igreja, pois perdendo o amor e a fé na Igreja perde-se também a fé e o amor em Cristo.
O filme também conta também a história do Santo Graal que seria o cálice usado por Jesus na ultima ceia. Fala também dos Templarios como guardadores do Santo Gral. Emfim não irei contar o livro todo aqui.
A mensagem que queria passar é que leiam o livro como um livro de ficção pois é isso que ele é. Nunca se esqueçam disso. Poderam até se impressionar com os fatos relatados, os ambigramas, as simbologias, emfim. Mais nunca deixem que aquilo entre como se fose uma verdade de Fé.
A mensagem está dada. Rogo que tenham fé em Cristo, e sempre segurem-se na doutrina da Igreja, por que assim nunca se perderão nesse mundo cheio de novas idéias.
È só isso que tenho por hoje, como sempre:
Dominus Vobiscum!

Algumas Observações sobre Exorcismo!



Caro Amigos, Irmão e Leitores quero comunicar a vocês, sobre a inutiabilidade de uma pessoa que quer dar uma de Exorcista por aí, com textos de Exorcismo que nós geralmente vemos, nos programas de Televisão. Temos que entender uma coisa, Ficção é Ficção, Realidade é Realidade, ou você equilibra esses dois mundos ou você vive em um só deles. 
Exorcismo como já foi dito aqui, é algo extremamente sério, devido e autorizado somente pela igreja, falar as palavras "mágicas", como se fosse um truque não vai levar a nada. Portanto disponibilizei o link do rarissimo Rituale Romanum para que os estudandes e eclesiáticos da Teologia pudessem se servir do livro. Além do mais não é qualquer um que exorciza, precisa de um toque divino, o qual  depende da fé de cada pessoa.
Dominus Vobiscum!

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Celibato


Hoje Estudando o livro de História vi, uma parte explicando que a Igreja só tinha imposto o Celibato para  seus membros para que não tivessem herdeiros e assim podessem ameaçar os patrimônios da Igreja, poís só os filhos legitimos podiam ter parte da herança naquela época. Mais não é que faz sentido. Os céticos são realmentes inteligentes para conseguirem acusações. Só que de um ponto de vista teólogico ( que raramente observam) o celibato foi instituido em raízes apostólicas. Neste artigo não cabe a mim julgar se a informação do dito livro seja verdade, mais mostrar as raízes biblicas do celibato sacerdotal. A seguir eu retirei um texto do Site Veritatis Esplendor para que Compreendam melhor essa história:
"A praxe do celibato sacerdotal tem suas raízes em 1Cor 7, 32-34, texto em que São Paulo afirmava ser a vida celibatária um estado em que mais facilmente se pode servir ao Senhor, sem divisões e sem solicitudes supérfluas. Em 1Tm 3,2 o Apóstolo recomenda que o ministro de Deus "seja marido de uma só esposa"; com isto São Paulo queria inculcar que no século I da nossa era, quando as comunidades cristãs constavam de muitos casados e adultos recém-convertidos, não se escolhesse para o ministério algum homem casado em segundas núpcias; estas, com efeito, eram geralmente desaconselhadas pela Igreja antiga por parecerem uma expressão de incontin6encia.
Vê-se, pois, que desde os tempos apostólicos a vida una era recomendada e praticada pelos ministros do Senhor (tenhamos em vista, por exemplo, o caso de São Paulo e o do próprio Cristo).
No Ocidente a primeira legislação restritiva ao casamento de clérigos se deve ao Concílio de Elvira (Espanha) por volta do ano 300; proibia aos Bispos, sacerdotes e diáconos, sob pena de degradação, o uso do matrimônio e o desejo de ter prole (cânon 33). Esta determinação, que era regional, em menos de um século estava em vigor (às vezes sob forma de conselho apenas) em todo o Ocidente. A fórmula definitiva de tal disciplina foi promulgada pelo Concílio Ecumênico de Latrão I em 1123: a todos os clérigos, a partir do subdiaconato, foi prescrito o celibato; em conseqüência, o matrimônio contraído por algum eclesiástico depois da respectiva ordenação era tido como inválido. O Concílio de Trento (1545-1563) reafirmou tal determinação."
Pode-se ver a partir do texto acima que a doutrina do celibato (mesmo que seja uma norma pastoral e não um dogma) tem raízes biblica porém não é um compromisso forçado, foi um conselho dado no evangelho, por isso muitos sacerdotes são celibatários, é uma escolha para que se possa melhor servir ao Senhor Jesus Cristo. O Próprio Cristo teve uma vida Celibatária.
È ìsso Pessoal brevemente tocarei no assunto mais vezes. Dominus Vobiscum!

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Download: Gramaticas de Latim


Um presente para todos os fãs do idioma latino, ou seja o idioma oficial da Igreja Católica, ele é usado em várias orações e rituais católico. O Latim é considerado uma lingua Sacra, pois se escreve do jeito que se fala basicamente. Só para lembrar alguns dos livros podem ser conseguidos no site São Pio V, é um site muito bom estou postando aqui só por que possa ser que fique mais fácil de achar.

Irei ta postando uma série de gramáticas para download abaixo:

Flora Simonetti - Gramatica Latina.pdf
Download:



 

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Rituale Romanum Download Completo


O termo exorcismo (do grego exorkismós, "ato de fazer jurar", pelo latim exorcismus) designa o ritual executado por uma pessoa devidamente autorizada para expulsar espíritos malignos (ou demónios) de outra pessoa que se encontre num estado considerado de possessão demoníaca. Pode também designar o ato de expulsar demônios por intermédio de rezas e esconjuros (imprecações). Não se refere a casos de demoniomania, isto é, de um estado mórbido mental em que o doente se julga possesso pelo Demônio, ou por dois ou mais demônios.

O Exorcismo só pode ser praticado por um Sacerdote com a autorização do Bispo local. Existe um livro chamado Rituale Romanum que é uma das relíquias onde estão todos os Rituais ministrados pelos padres. Tenho a versão em Latim que se encontra para download ao final da postagem.

Brevemente falarei mais sobre o assunto, mais só pra começar o blog tô disponibilizando o livro que é muito dificil de achar. Sendo assim, "upei" o Rituale Romanum (ano 1925) no mediafire  porque fica mais facil de achar. 

Espero que gostem.

Dominus Vobiscum!

Download:
 http://www.mediafire.com/?hhepnfc5l5uhfnd



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...