quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Tiptologia e a Origem do Espiritismo!

Irei trazer para vocês a partir de hoje uma série de explicações parapsicológicas que acontecem na maioria dos casos.
Nem tudo pode ser classificado com "Sobrenatural", este termo é absurdamente grande de mais para se designar fatos pequenos!



Tiptologia

Entre os problemas parapsicologicos de efeitos fisicos são muito frequentes os choques, golpes, percussões, etc. A nomenclatura e os sinônimos são incontáveis. Trata-se de ruídos de todos os tipos, produzidos nas mais diversas modalidades.
Tiptologia (do grego Typto = tocar, ferir, golpear; logos= tratado), nome muito empregado pelos especialistas, para designar o estudo dos "raps", plural da palavra inglesa "rap" (golpe, choque, que na forma verbal significa golpear repetidamente).

Origem do Espiritismo


O moderno espiritismo nasceu precisamente com um caso de tiptologia fraudulenta.
No dia 2 de dezembro de 1847, o pastor metodista John D. Fox, com sua esposa e suas filhas pequenas, mudava-se para uma casa conhecida pelo nome de Hydesville, no bairro de Arcadia do condado de Wayne, estado de Nova York. Poucos dias depois, a mãe, chamada Margaret, começou a ouvir ruídos que considerou um tanto estranhos, apesar de procederem do quarto das meninas e precisamente quando elas deviam estar acordadas. As meninas foram se exercitando durante bastante tempo na produção dos "barulhos estranhos", de modo que estes ruidos, inicialmente leves, eram dois meses mais tardes, em fevereiro de 1848, perfeitos golpes secos, idênticos aos "raps" conhecidos hoje.
No dia 31 de março daquele mesmo ano, 1948, se realizava a "primeira sessão de espiritismo". A menina Margaret tinha naquela data oito anos e meio e Cathy, sete.
Naquela noite, diante da mãe, a menor das irmãs, Cathy, disse à Margaret: "Faz como eu". E golpeando com os dedos da mão, ou batendo palmas, dizia "Conta: um, dois, três". Imediatamente soaram, sem que a mãe pudesse precisar donde, um, dois, três golpes. As meninas estavam apoiadas na cama de madeira.
A mãe assustada, apesar da plena tranquilidade e do riso das meninas, quis prová-las e disse aos ruidos que lhe dissessem a idade de suas filhas menores: ouviram-se, em seguida, oito "raps; depois de uma pequena pausa, soaram outros sete "raps"; e se ouviram mais três que correspondiam à idade da filhinha que falecera.
A mãe ficou completamente desconcertada e, sendo superticiosa, perguntou em seguida: "È algum ser vivo que responde tão corretamente às minhas perguntas? Em caso afirmativo, dê dois golpes". Não houve resposta.
Perguntou então, e este é o momento exato do começo do Espiritismo: "È uma alma?" Imediatamente se ouviram dois golpes secos e claros.
-"È uma alma do inferno?"
Dois golpes.
Com o mesmo sistema, depois de obtida a autorização da alma penada para que viessem os vizinhos, continuou a sessão de espiritismo.

Retratação das Irmãs Fox

Contudo, em 1888, as irmãs Fox, então ambas já viúvas, cansadas e cheias de remorsos, retrataram-se públicamente. Margaret preparou a retratação mediante uma entrevista feita num grande jornal de Nova York.
Depois das entrevistas nos jornais veio a retratação e demonstraçaoão públicas, ao vivo, no grande palco da Academia de Música de Nova York, na noite de 21 de outubro de 1888.
O texto de retratação se conserva pbublicado no livro de Davenport, recebido das próprias irmãs Fox, que, também, deram autorização escrita por elas mesmas, para a publicação de todo o caso.
Sobre a demonstração de como produziram os "raps", um grande matutino nova-iorquino comentava no dia seguinte:
"Foi colocado diante delas um banco de madeira ou mesinha de pés curtos, com as propriedades de uma caixa de ressonância. Tirando o sapato, a senhora Fox-Kane colocou o pé direito sobre a mesinha. Toda a platéia conteve a respiração e foi recompensada por uma série de "raps" secos e fortes, aqueles mesmos sons misteriosos que durante mais de quarenta anos assustaram e desconcertaram milhares de pessoas neste pais e na Europa. Uma comissão composta de três médicos, escolhidos dentre o público, subiu ao palco e depois de examinarem o pé da Sra. Fox-Kane, enquanto golpeava os "raps", concordou, sem dúvidar, que os ruídos eram produzidos pela ação da primeira articulação do dedo polegar do pé".
Porém, as irmãs Fox faziam fraudes não somente com o dedo do pé. Muitos anos antes da retratação, em feveireiro de 1851, uma comissão de médicos de Buffalo comprovava que elas também produziam "raps" com as articulações dos joelhos e dos tornozelos.

Como vocês observaram, a maioria das coisas estranhas são simplesmente explicadas pela ciência, e  a mentira nunca dura muito tempo.
Para as coisas que a ciência não consegue explicar aplicamos o termo "milagre". E ocorreram váriso milagres em ambitentes católicos que até hoje intriga a ciência.
Está é a base do Espiritismo, ainda a vários outros pontos a serem discutidos, e muitos daqueles fenomenos mediunicos podem ser desenvolvidos por pessoas sensiveis, ou com qualquer pessoa através da Hipnose.
A todos:
Dominus Vobiscum!









sábado, 20 de novembro de 2010

O Ministério de Exorcista (Entrevista com Pe. Manoel Sabino)


Padre Manoel Sabino
Confissão bem feita, Eucaristia e oração diária fecham a porta ao demônio e dificultam a sua volta.

cancaonova.com: O que é um exorcista e quem pode exercer esse ministério? 
Manoel Sabino: O exorcista é um sacerdote que, formal ou informalmente, o bispo nomeia, levando em conta a sua formação científica e religiosa, a sua piedade e o seu comportamento moral. É preciso que um exorcista seja um homem de adoração, comprovado na moral e que tenha conhecimento da ciência religiosa. 

cancaonova.com: Que fatores diferem uma pessoa psicologicamente perturbada de uma pessoa possuída pelo demônio? 
Manoel Sabino: A pessoa possuída pelo demônio, a princípio, tende a apresentar sintomas característicos, como falar línguas estranhas. Um exemplo, é alguém que nunca tenha estudado francês, inglês, latim ou grego e, de repente, começa a falar um desses idiomas, como o grego, por exemplo, de forma fluente e clara. Isso é um sintoma de que há uma entidade estranha nela.
Ela também poderá adotar atitudes externas como agressividade e ira exageradas, fúria e agressão física. Estes são também sintomas que nos fazem pensar que essa pessoa já esteja possuída por alguma entidade estranha, que é o espírito do mal. 

cancaonova.com: Quais as principais causas que levam o demônio a interferir na vida de uma pessoa?
Manoel Sabino: Há um leque de causas, mas a princípio, isso ocorre se a pessoa estiver desprevenida, e, por exemplo, ficar nas drogas ou na homossexualidade (as formas lésbicas são variadas). A pombagira também é uma variante de tudo que é sexualidade desregrada. E, fundamentalmente, o ódio, o ressentimento, a ira, o não perdoar e o espírito de vingança atraem o demônio. Na linguagem técnica, nós dizemos que estas coisas são "fissuras", "janelas" ou "portas" que facilitam a entrada do demônio. Principalmente, quando há alguém que esteja em pecado mortal, e neste estado o que mais atrai o demônio é o ódio e a sexualidade desregrada, ou seja, fora do matrimônio.

cancaonova.com: Existem diferentes 'graus' de interferência do maligno?
Manoel Sabino: Sim, há diferentes graus de acordo com o tipo de espíritos maus que "penetram" na pessoa. Sabemos que existem os coros dos anjos, que são serafins, querubins, potestades, virtudes, principados, anjos e arcanjos. Destes coros, caíram anjos e esses 'anjos caídos' mantiveram o seu poder, a sua força, a sua inteligência, a sua agilidade e também todas as suas capacidades de mobilidade. Perderam apenas dois atributos: o amor e a graça. Portanto, se um indivíduo, por desgraça, é penetrado por um espírito que era serafim, a possessão é mais pesada e, normalmente, quando a pessoa está possessa, não é apenas por um espírito, pois eles trazem consigo vários outros espíritos, muitos. Assim, alguém pode estar possuído por legiões de demônios, que são formadas por milhares e milhares deles. Os casos mais graves acontecem quando as pessoas estão em pecado mortal. E quando alguém freqüenta toda a espécie de esoterismo e curandeirismo, como a umbanda, o terreiro e todas as práticas de magias, tudo isso agrava ainda mais a possessão e a pessoa acaba totalmente possuída pelo demônio de corpo e alma.

cancaonova.com: Quem pode rezar por uma pessoa possuída pelo demônio?
Manoel Sabino: A perturbação maligna pode ser psíquica ou meramente física, pode ser também que ela atinja somente uma das partes do corpo. São várias formas.
O princípio básico e fundamental para se rezar por alguém é estar em estado de graça, em profunda comunhão com Jesus, ter fé e ser humilde. Essas três condições são indispensáveis para que a pessoa tenha condição de rezar por alguém. E, se em volta da pessoa por quem se reza estiver uma, duas, ou três pessoas em pecado mortal, a libertação e a cura tornam-se difíceis, adiadas, porque estas estão sob domínio do maligno, e isso contribui e dá mais forças ao demônio que tem de ser expulso daquela pessoa. Daí a necessidade de não se ajuntar muita gente ao redor da pessoa por quem se está rezando e se ter a certeza de que todos, que estão ao redor, estão em estado de graça, em condições para ajudar, para que a libertação aconteça o mais rápido possível.


cancaonova.com: Conte-nos um testemunho marcante que o senhor presenciou de libertação.
Manoel Sabino: Vou contar-lhes um fato marcante que aconteceu em Milão, a segunda cidade maior da Itália, apareceu uma jovem que estava possessa havia dez anos, e já tinha passado por vários lugares à procura de ajuda. Fui chamado para ajudá-la a sair daquela situação difícil e quando eu ordenei que o demônio saísse, ele deu uma gargalhada. Perguntei-lhe: 'Quem és?' Ele identificou-se dizendo que era o rei do mundo. E eu disse-lhe: 'Não entendo, rei do mundo? Não sei o que é isso'. E ele disse-me que era o deus do inferno, então, também fiz de conta que não havia entendido e que queria um nome concreto, pois não entendia o que era aquilo. Então ele me disse: 'Se não entende, padre, vou dizer: lúcifer'. Eu disse-lhe: 'Agora, entendo'. Então, percebi que estava de frente com uma entidade espírita forte, potente, astuta, pois o lúcifer é chefe dos demônios todos. Naquele momento, lembrei-me que Maria Santíssima esmagou a cabeça da serpente, e lúcifer é a serpente. Por isso, pedi aos presentes que rezassem comigo o terço, meditando os mistérios dolorosos. Quando chegamos ao quarto mistério quando se diz: '(...) e carrega sua cruz', o demônio deu um forte grito, urrou e saiu da mulher, que ficou completamente liberta. Isso para mostrar que Maria é aquela que esmagou a cabeça da serpente e tem muito poder e é uma ajuda imensa na cura e libertação das pessoas que precisam ser ajudadas.

cancaonova.com: Qual é a etapa mais importante em uma sessão de exorcismo?
Manoel Sabino: A sessão de exorcismo tem várias etapas, dizer qual é a mais importante depende muito do tipo de possessão. Se a pessoa trouxer um tipo de possessão que tenha dezenas de anos, e se ela tiver na sua geração muitos bruxos, muitos feiticeiros, mágicos, pessoas que freqüentam terreiros ou umbandas, naturalmente que tudo isso dificultará o exorcismo. Então, primeiro é preciso fazer uma oração pela árvore genealógica dela, para que com a ajuda de Deus e dos anjos, possamos regressar ao passado dela, e com a oração ir destruindo, gradualmente, os males existentes nos antepassados, curando-os até chegar ao presente. Depois, começa-se o verdadeiro exorcismo, e este não se faz num dia ou numa hora. São várias as etapas que a pessoa terá de voltar. Porque são situações que vão sendo quebradas com orações muito fortes.
De modo que as pessoas, que vão intervir neste exorcismo, nessa sessão de cura e libertação, devem ter feito uma boa confissão, devem ser pessoas de fé e oração, para que, no momento exato em que Deus terminar, a pessoa fique completamente liberta. De maneira que não se pode dizer que determinada etapa seja mais importante que outra. São etapas que se vão cumprindo de acordo com o tipo de demônio, o passado da pessoa e suas relações anteriores. 

cancaonova.com: Depois de ser curado, o que deve ser feito para se manter liberto?
Manoel Sabino: O objetivo da cura e da libertação é a conversão da pessoa. Deus a cura e a liberta para que se converta. Essa é a etapa principal. Converter-se significa fazer uma confissão bem feita, mudar de vida, deixando todo tipo de vício e pecado. Essa confissão bem feita implica necessariamente em escrever os seus pecados num papel, de forma que, quando chegar ao confessor, possa lê-los. Pois se chegar ao confessionário, sem seus escritos, acabará omitindo pecados muito graves por esquecimento. Esta técnica é muito boa, principalmente para aqueles que não se confessam há anos.
Assim, a confissão bem feita, a oração diária e bem feita e o sacramento da Eucaristia fecham a porta ao demônio e dificultam a volta dele. A pessoa deve ir à Santa Missa, se possível todos os dias; mas nunca deixar de ir aos domingos, porque a Eucaristia alimenta a alma e o espírito. Se tudo isso não for feito, ele volta com os piores demônios e num número muito mais elevado e essa situação torna-se pior que a primeira.  

Matéria extraida do link:
http://www.cancaonova.com/portal/canais/entrevista/entrevistas.php?id=326
 

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Um Exorcista Conta-nos Download (2ª Parte)


Trago agora para vocês leitores do Blog, a segunda parte deste fantástico livro, um dos meiores sobre o tema. 
Este livro, como já foi comentado, é obra do Pe. Gabrielle Amorth.
Abaixo os links para download:

Download:

sábado, 11 de setembro de 2010

Um Exorcista conta-nos Download (1º parte)


Olá queridos leitores do Blog Exorcizamus, irei postar hoje para vocês um livro que é do Exorcista mais famoso do Vaticano: Pe. Gabriele Amorth o exorcista oficial do Vaticano.

O livro está dividido em duas partes esta é a  primeira dela. Quero lembrar aos leitores que o livro não foi escaneado por mim, e sim por um amigo do Blog Batalha dos Santos, ele que escaneou e digitalizou o livro.

O livro é muito bem explicado. Aborda vários assuntos como a demonologia e claro o exorcismo e traz ainda alguns fatos reais vividos pelo próprio exorcista. 

Este livro é extremamente dificil de se encontrar sempre serei grato ao amigo que disponibilizou e que hoje estou passando para vocês.

Abaixo o link para download da 1ª parte:

Download:

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Como entender essas "Curas e Exorcismos" em Cultos Protestantes?


Bom estou de volta caros amigos do Exorcizamus. Irei trazer hoje um fato que chama muita atenção de qualquer cristão hoje em dia, as curas em cultos protestantes e muitas vezes até no espiritismo. Como entender tal fenomeno? Como é possivel curar multidões com palavras? Como é possivel fazer mais milagres que até o proprio Cristo? São coisas que realmente nos faz refletir. Nesses cultos o "sobrenatural" aconteçe todo dia, é incrivel. E consequentemente todo mundo que vê esse show de curas, exorcismos, etc; vai correndo em busca de solução para seus problemas e suas doenças.
Dedico este artigo aos nossos "irmãos separados" que e gostam do exibicionismo.

Curas e “Milagres” em comunidades protestantes

Historicamente falando, até hoje não existe sequer um “milagre” ocorrido em comunidades protestantes que tenha sido cientificamente comprovado como milagre verdadeiro, isto é, ação sobrenatural e inexplicável, de tal maneira que só se poderia conceber como intervenção divina.

Nenhum milagre ou cura ocorrido em meios protestantes é realmente sobrenatural. Na maioria das vezes, são curas obtidas por auto-sugestão do doente, efeitos placebos obtidos por indução psicológica; algo semelhante ao que pode obter um hipnologista. As técnicas dos pastores protestantes para isso são semelhantes à da PNL (Programação Neuro-Linguística), são recheadas de retórica, apelo sentimental e psicológico, que induzem a mente a enganar a dor ou cessar os sintomas da doença. Por estes meios, são curas perfeitamente explicáveis do ponto de vista científico e natural. Aliás, muitos psicólogos já usam terapias semelhantes para a obtenção das mesmas curas. Ademais, muitas vezes estas curas não são irreversíveis, mas apenas uma cessação momentânea dos sintomas, como um analgésico, obtida por auto-sugestionamento. Não podem ser consideradas, pois, milagres verdadeiros.

Aqueles shows de curas que se vê nos programas dos protestantes pentecostais não passa muitas vezes de um grande teatro de auto-sugestionamento, hipnologia e indução psicológica.

Um milagre verdadeiro, em alguma comunidade protestante ou cismática, só poderia ocorrer vinculado a algum elemento católico, que mostrasse à pessoa agraciada com o milagre onde está a verdade. Pois, conforme muito dissemos, Deus só assina o que é seu. E a divisão, a falta de unidade, a desunião, os erros doutrinários verificados em meios protestantes não são de Deus. Deus não poderia, pois, ratificar com sua assinatura coisas deste tipo.

Espero que tenham gostado. Dominus Vobiscum

A seguinte matéria se encontra em: 
http://www.comshalom.org/blog/carmadelio/1385-milagres-em-igreja-protestantee-possivel

segunda-feira, 15 de março de 2010

Ritual Romano Download Em português


Carissimos irmãos estou trazendo aqui para vocês um Ritual Romano em português, mais este ritual  só tem as bençãos, e a parte sacramental, Batismo de Crianças, os vários tipos de bençãos, todo em português. Ele não é aquele Ritual Romano gigantesco onde tem tudo. Por exemplo este aqui não tem o Ritual de Exorcismo, porém ele tem o método de como se faz água benta. Bom é outro livro raro, que achei no site De livros liturgicos, e estou colocando em outros servidores para ficar mais fácil para vocês, baixarem. "Oque de graça recebe, de graça se dá", seguindo essa filosofia ta ai os livros. Que Deus ilumine a todos.

domingo, 14 de março de 2010

Exorcistas Brasileiros que raridade!

Ta aí uma coisa que pelo menos nos jornais não rolam, Exorcismo ou Exorcista brasileiro. Mais em paraná tem aumentado a busca de exorcismo, è uma reportagem interessante, há e quero que prestem atenção nas armas que o padre usa, dá uma olhada também no livro. Muito interessante essa entrevista. É vê para crê!
O livro pode ser adquirido, agora o poder só Deus confere!
video

Ritual de Exorcismo e outras súplicas!


Lembrado que está à venda nas melhores livrarias de todo Brasil, O Ritual de Exorcismo e outras súplicas com o preço em volta de 29 a 33 reais. Bom queridos irmãos eu comprei o meu pela editora paulus e saiu em torno de 47 reais com o frete. A editora é confiável e pretendo comprar mais livros lá. 
Para quem quer se especializar na parte litúrgica da Igreja o caminho é esse. Já busquei na internet o livro scaneado mais não encontrei nada. Lembrando também que ele é em português.
Bom não consta nada avisar, poucos são os leigos que fazem exorcismo, então nem adianta comprar pensado que vai se tornar exorcista. Para nós serve só para catequese mesmo, ao menos por enquanto.
Para quem quiser conferir abaixo está o link da Editora Paulus que vende o livro.
Espero que tenham gostado.
Dominus Vobiscum
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...